Projeto 60 – o dia em que eu parei de comprar

Disclamer básico: O DS não é um blog de moda, mas como eu leio bastante sobre o assunto, acabo falando algumas coisas sobre roupas, tendências e etc.

e-card_shopping

O post de hoje entraria na categoria “Moda” , mas falar de como eu decidi ficar dois meses sem comprar nada, ele se aplica melhor no quesito “economia doméstica”

Explico: recentemente me dei conta de que comprar roupa e acessórios comprometem muito do meu orçamento. Por mais que todas as minhas contas estejam em dia e meu nome mais limpo do que roupa branca em comercial de OMO, eu chegava no fim do mês sempre me privando de alguma coisa que eu realmente precisasse.

O choque de realidade veio quando me vi sem dinheiro pro Lollapalooza. Tudo caro e não ia dar pra arcar com as despesas, mesmo já estando com ingresso comprado desde novembro. Por isso,  tomei a decisão. 60 dias sem comprar nada. O meu nada: roupas, sapatos e acessórios.

Dos 60 dias que me prometi, já se passaram 35.  E vamos combinar? Tem sido bem mais tranquilo do que eu tinha pensado. É claro que bate a sensação mulherzinha do ‘não tenho roupa não vou sair de casa” ,mas depois passa quando você revive aquela blusa que estava no fundo da sua gaveta e consegue fazer uma combinação legal.  Também topei com várias peças que eu queria ter comprado e segurei a onda pensando na “promessa”, no pacto que fiz comigo mesma. Mas sei que é por um bem maior: ter grana no fim do mês.  E tem dado resultado.

 

Um texto fresquinho e muito bom sobre essa reflexão de gastos e necessidades fica por conta das meninas do Oficina do Estilo: Do que a gente precisa? Vale muito a leitura!

You may also like

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *